Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2017 > Novembro > Plano de Ação para os ODS prevê estratégias para o cumprimento da Agenda 2030 pelo Brasil
conteúdo

Notícias

Plano de Ação para os ODS prevê estratégias para o cumprimento da Agenda 2030 pelo Brasil

ODS

Composto por 5 eixos, documento defende a ampla disseminação da Agenda 2030 em todo o Território Nacional


O Plano de ação da Comissão Nacional para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (CNODS), foi apresentado na tarde desta quinta-feira (30), pelo secretário Nacional de Articulação Social da Secretaria de Governo da Presidência da República, Henrique Villa, em reunião com o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, o coordenador residente do Sistema das Nações Unidas no Brasil, Niky Fabiancic e integrantes da CNODS.

Em junho, o ministro Imbassahy assinou juntamente com Fabiancic um documento de cooperação entre a ONU e o Governo brasileiro para o desenvolvimento, implementação e promoção de iniciativas que apoiem os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que fazem parte da Agenda 2030.

Na reunião entre o sistema ONU e o Governo Brasileiro, Imbassahy destacou a importância do documento elaborado pela Comissão e a necessidade do engajamento de todos os entes participantes, “este é um plano de convergência plural, pelo propósito meritório a ser implantado pelas instâncias do governo federal, estadual e municipal, visando uma sociedade melhor e uma economia mais justa”, defendeu.

O Secretário Henrique Villa destacou a formação da Comissão, composta por 8 integrantes do governo e 8 representantes da sociedade civil, eleitos democraticamente. Destacou ainda que o Plano de Ação contempla 4 eixos importantes das ODS, ambiental, econômico, social e institucional.

“O Plano de Ação foi elaborado e aprovado pelos membros da CNODS, após vários debates e oficinas. O Governo Federal, lançará em breve o documento que possui 5 eixos; gestão e governança da Comissão, disseminação, internalização, interiorização e acompanhamento e monitoramento da Agenda”, explicou.

Já Niky Fabiancic enfatizou a parceria entre a ONU e o Governo Brasileiro para o alcance das metas da Agenda 2030, e destacou que a Organização apoia todas as comissões temáticas propostas pelo documento.

Na apresentação, Niky expôs acerca das especificidades dos Grupos de Resultados que envolvem matérias como: Pessoas, Planetas, Prosperidade e Paz, além dos temas transversais como gênero, raça etnia e juventude.